Mais de setecentos e sessenta mil guineenses são chamados hoje para escolherem o novo Presidente da República que irá substituir o Chefe de Estado cessante, José Mário Vaz.

Esta manhã, as urnas abriram as sete em todo o território nacional e vão fechar as dezassete horas.

Na corrida para o mais alto cargo da magistratura guineense, perfilam os dois finalistas, Domingos Simões Pereira e Umaro Sissoko Embaló.